segunda-feira, 3 de setembro de 2018

IRREGULARIDADES: "Prefeitura de Garanhuns está fazendo cobrança ilícita em Distritos", denuncia Johny Albino

Semana passada, através de nota distribuída à imprensa por Johny Albino, advogado e irmão do candidato a deputado estadual, Sivaldo Albino, tornamos público o fato da CELPE e da Prefeitura negarem fornecer informações sobre a cobrança da CIP ( Contribuição de Iluminação Pública), coisa que causou estranheza e dúvidas, no intuito de quererem esconder algo.
Desde de 2014 o ex-vereador Sivaldo Albino já questionava esse contrato da Prefeitura com a CELPE, e mais dúvidas apareceram com o pedido de empréstimo, no qual Johny, irmão de Sivaldo questionou e alertou aos vereadores que teria algo errado, mas os mesmos preferiram votar o Projeto sem analisar a veracidade.

Ocorre, que após visitas feitas aos Distritos de Iratama, Miracica e São Pedro, no qual o advogado conversou com vários moradores, o mesmo colheu informações e estava tentando comparar dados, mas infelizmente nem a CELPE e nem a Prefeitura quiseram informar esses dados.
A Lei 3909/2013 que aumentou em média 160% a CIP, garante aos moradores dos Distritos ISENÇÃO do pagamento da Taxa de Contribuição de Iluminação Pública. Ocorre, que de acordo com Johny a Prefeitura de Garanhuns desde 2013, na administração do Prefeito Izaías Regis vem cobrando de forma IRREGULAR a CIP dos moradores dos Distritos e zona rural de Garanhuns.

Em breve levantamento feito por Johny  e por moradores daqueles Distritos, a quantia arrecadada de forma ilícita pela Prefeitura de Garanhuns na conta da CELPE deve chegar próximo aos 2 milhões de reais.
Na nota distribuída por Johny, o mesmo promete junto à Sivaldo Albino ingressar na justiça em busca de interromper a cobrança.

"Diante disso, eu, Johny Albino e Sivaldo Albino, juntos com alguns moradores, estamos ingressando na justiça para solicitar que seja interrompida de forma URGENTE a cobrança de Contribuição de Iluminação Pública dos moradores dos Distritos de Iratama, Miracica, São Pedro e toda zona rural. Além disso, iremos ingressar com o pedido de ressarcimento a toda essa população que pagou de forma IRREGULAR essa contribuição", disse Johny.

"Infelizmente, a CELPE e Prefeitura não agiram de forma correta, devendo explicações a população de Garanhuns, principalmente aos moradores dos Distritos e Zona Rural. Espero que a justiça seja ágil e que a devolução dessa cobrança que ocorreu de forma irregular seja feita imediatamente. A luta continua e não iremos desistir", pontua Johny Albino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário