sexta-feira, 2 de agosto de 2019

URGENTE: elementos que mataram o garoto Lucas são espancados por detentos na Cadeia Publica de Garanhuns

Os elementos Luciano de Jesus dos Santos de 42 anos e Lucas da Silva, de 18 anos que estupraram na manhã de ontem (01), uma cuidadora de idosos e mataram no mês de julho o garoto Lucas Vinicius de 08 anos, estão sendo espancados na Cadeia Pública pelos demais detentos da unidade de Garanhuns.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram Lucas e Luciano com vários ferimentos em várias regiões do corpo. Eles foram filmados por detentos da propria unidade. Ainda no vídeo os acusados de estupro e da morte do garoto lucas são indagados pelos presos.

Eles foram encaminhados a Cadeia Publica de Garanhuns após serem ouvidos na Audiência de Custódia pelos crimes de estupro, lesão corporal e assalto, crimes estes praticados na manhã de ontem.

A agressão pode prejudicar o trabalho da Polícia Civil, uma vez em que ambos apesar de terem confessado ter matado o garoto, ainda não foram interrogados pela Polícia Civil. 

Em imagens divulgadas nas redes sociais, os acusados aparecem se beijando e trocando carícias. Mais detalhes ao longo do dia. 

2 comentários:

  1. devem deixar a polícia fazer o trabalho dela!esse tipo de gente com essa gravidade de crime não devia nem estar junto com outros detentos!a polícia tem que investigar!fazer exames interrogatório!a lei precisa funcionar!que coisa!não e assim chegar e espancar!preso tem que ficar na dele!são criminosos quem são eles pra julgar crime?um bando de marginal !a polícia precisa fazer o trabalho dela sozinha!isso atrapalha e muito!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade,os outros não são melhor que eles são marginais tbm,tudo bandido tbm

      Excluir