segunda-feira, 16 de setembro de 2019

URGENTE: homem que foi preso acusado de matar ex-companheira comete suicídio na Delegacia Regional de Garanhuns

O homem acusado de matar a ex companheira na quinta (12), no Jardim Petrópolis em Garanhuns, cometeu o suicídio na noite de hoje (16), na Delegacia Regional de Garanhuns.

Amauri Gomes Feitosa de 47 anos, havia sido preso pela Polícia Militar durante a tarde de hoje (16), quando se preparava pra fugir da cidade de Garanhuns. 


Ele foi preso às margens da BR-423, na saída de Garanhuns por equipes do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI), após a Central de Operações do 9°BPM ser acionada por populares.

Ele foi levado para a Delegacia Regional, onde cometeu o suicídio. Segundo informacões preliminares ele tirou a própria vida usando as vestes.

O SAMU foi acionado mas ao chegar na delegacia o homem já estava em óbito. O Instituto Criminalística (IC), foi acionado e realizou  o levantamento cadavérico.


O corpo foi encaminhado ao IML em Caruaru por meio de uma funerária contratada pela família. Nossa equipe tentou gravar entrevista com o delegado regional Luiz Bernardo, porêm sem êxito. O titular disse que preferia não se pronunciar sobre o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário