quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

"Gilbertinho Cadeirante" é morto a tiros em Garanhuns, no Agreste

Um cadeirante foi assassinado na noite de ontem (4), na Rua 14, no Vale do Mundaú, em Garanhuns, no Agreste.

Segundo a PM, a vítima foi o cadeirante Gilberto Tenório Beserra, de 31 anos, que vendia CD's em frente ao Bonanza da Boa Vista.

Ainda de acordo com a PM, Gilberto estava na frente de uma residência bebendo com amigos, quando dois elementos encapuzados apareceram em uma motocicleta, o garupa sacou uma arma de fogo e efetuou disparos em Gilbertinho Cadeirante, como a vítima era conhecida.

Gilberto chegou a se rastejar por alguns metros e acabou morrendo no meio da rua, o crime pode ter sido motivado por dividas de drogas, segundo familiares, Gilberto já tinha vendido até o botijão de gás de dentro de casa para comprar crack e possivelmente estava devendo na boca de fumo.

O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru, o caso será investigado pela Delegacia de Homicídios de Garanhuns.

Nenhum comentário:

Postar um comentário