quinta-feira, 16 de agosto de 2018

“SE NÃO ENTREGAR EU ATIRO”: GATI prende elemento após assalto, em Garanhuns

Um bandido de alta periculosidade foi preso na tarde desta  quinta-feira (16), na cidade de Garanhuns após tomar um celular de assalto em frente à uma escola, no Centro da cidade.

De acordo com a Polícia, o GATI URBANO,  recebeu a informação de um roubo a transeunte, onde um elemento teria assaltado uma mulher e levado um Celular Smartphone. Ainda de acordo com a Polícia, a vítima, estava trafegando em frente à escola Estadual Jeronimo Gueiros, próximo à Praça mestre Dominguinhos, quando  foi abordada pelo bandido identificado como sendo Anderson de Oliveira Santos, conhecido como Inha, de 23 anos de idade, que sob forte ameaça tomou o celular da vítima. De acordo com o relato da vítima, o bandido a abordou  falando, "me dê o telefone, se não eu atiro". E após tomar o telefone saiu correndo tomando destino ignorado. 

Com a chegada da PM, e com as informações repassadas pela vítima, os policiais iniciaram a caça ao criminoso, e após  várias horas de buscas o efetivo do GATI logrou êxito na captura do meliante, porém o telefone já havia sido vendido ao envolvido a um menor de idade.

Os policiais seguiram até a casa do menor, porém, o infrator  não estava em sua residência. Os policiais não conseguiram localizar o menor, e em seguida conduziram o Anderson  para a 1ª Delegacia de Polícia, onde a vítima se encontrava e realizou o reconhecimento do bandido. 
Na Delegacia, Anderson foi autuado em Flagrante Delito, sendo encaminhado a Audiência de Custódia. De acordo com informações da Polícia Civil, Anderson responde a porte ilegal de arma de fogo, e vários roubos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário